17 de janeiro de 2011

# Part 2

Ano sénior
 
Faltava um dia para o baile. O meu telefone tocou. Na outra extremidade, era ele. “O meu par está doente”, disse ele. No 7 ª ano, fizemos um pacto que se nenhum de nós tivesse par, iríamos juntos como "melhores amigos". Assim o fizemos. Após o baile ter terminado, ele estava em pé em frente à porta da minha casa. Olhei-o enquanto ele me sorria e me fitava com os seus olhos de cristal. Eu queria que ele fosse meu, mas ele não me via dessa forma, e eu sabia disso. Aproximei-me para me despedir, ainda que um pouco trémula devido à magia daquela noite. Então ele disse: "Foi das melhores noites da minha vida, obrigado!" e deu-me um beijo na testa. Eu queria dizer-lhe, e quero que ele saiba que eu não quero que sejamos apenas amigos, eu amo-o, mas não tenho coragem para o dizer, e não sei bem porquê. (...)
Continua...
(Esta história não é a minha.)

20 comentários:

Catarina disse...

que suspanse de sentimentos.
Quando está no momento em que coise ele dá-lhe um beijo na testa e ela fica com o amo-te, sem lhe conseguir dizer, dentro dela.

Catarina disse...

Sim. Silêncios temidos, palavras por mencionar...

Veronica Martins disse...

Oh obrigada **
Gostei do que li : )

Hopefulness disse...

Brigada querida. *

Catarina disse...

sim infelizmente S:

-Dé ☮ disse...

pois é (:

Daniela Silva disse...

Estou a seguir ^^

Daniela Silva disse...

Estive a ler os teus dois últimos textos e gostei +.+
Continua*

Daniela Silva disse...

Não está anda de especial mas obrigada $

Daniela Silva disse...

Oh Obrigada Simpatia $

Daniela Silva disse...

Desculpa a curiosidade mas que idade tens?

Daniela Silva disse...

18 :)

Daniela Silva disse...

Que se faz por aí?

Daniela Silva disse...

Ahah então se calhar o melhor é mesmo ires dormir xp

Daniela Silva disse...

Dorme bem*

Ana Catarina Leal disse...

obrigada querida :D

Jéssica Rodrigues disse...

óh querida, estou a adorar essa história .. :$

filipa disse...

é mesmo, podes crer *.*

Vanessa Santos disse...

estou cada vez mais curiosa :)

Adrianaa disse...

É horrível, quando amamos um amigo nosso, ainda mais qnd é o nosso melhor amigo, e o pior de tudo, é saber q provavelmente não somos correspondidas(os)