22 de novembro de 2011

Chuva de amor.

"(Numa noite de chuva, um casal fala pelo telefone)
Ela: Estou com frio.
Ele: Eu aqueço-te.
Ela: Como? Se tu estás distante.
Ele: Fecha os olhos.
Ela: Já fechei.
Ele: Agora imagina que a campainha toca, que tu desces sem nenhuma preocupação. Quando abres a porta deparaste comigo, ai tu abraças-me, convidas-me para entrar pois está a chover. Depois tu fazes um chocolate quente, vamos para o teu quarto, abraçamos-nos, conversamos durante horas e horas e então tu adormeces nos meus braços.
Ela: E quando eu abrir os olhos?
(Enquanto isto a campainha toca)
(Ela desce e abre a porta com o telefone no ouvido)
Ele: Isso torna-se realidade."

10 comentários:

ana disse...

lindoooo :D

disse...

que lindo....
tb quero!!!
beijos

ana disse...

:)) tenho tido, mas sabes que não é fácil.

ana disse...

será que sim? :c

happy ♥ disse...

oh tão bonito *-*

Sofia R. disse...

a-d-o-r-e-i

Márcia Lourenço disse...

gostava que isso me acontecesse :)

Ana disse...

oh *.* lindo mesmo!

Dannie disse...

Adorei, mesmo.. lindo!

inês disse...

lindo!